Tribuna Livre...

Tribuna Livre

Secretário de Esportes e Lazer expõe trabalho na Câmara

O secretário de Esportes e Lazer Rafael Pinto Neto participou da Reunião Ordinária, no dia 13 de setembro. Na oportunidade, ele fez a sua explanação baseando-se nos questionamentos dos vereadores e apresentou o trabalho desenvolvido pela Secretaria, que está retomando as suas atividades, inclusive nos bairros, que foram prejudicadas em virtude da pandemia. Colocou que a tecnologia é um combatente das modalidades esportivas e que a Secretaria tem o dever e a obrigação de fazer o resgate. Acrescentou que existe uma grande demanda no Santa Tereza, estendida aos outros bairros, de acordo com a disponibilidade de funcionários da Secretaria; e que já iniciaram atividades no Santa Rita e Observatório.

– O vereador Vivaldo Azevedo reforçou a necessidade de cobertura da quadra de skate e pediu melhorias para a área em frente do Ginásio Poliesportivo Jorge Curi. Desejou a ampliação e incentivo ao esporte, que é saúde e vida livrando os adolescentes e jovens das drogas, em todos os bairros. Em relação ao Bairrão, indagou as restrições em virtude da pandemia e pediu ampla divulgação principalmente nos bairros.

O secretário comentou que o skate foi muito difundido nas Olimpíadas e que atletas profissionais estarão na cidade em outubro. Adiantou que estudaria a possibilidade de cobertura da quadra e melhorias para a área em frente do Ginásio, que é muito procurada e utilizada por famílias. Em relação ao Bairrão, acontecerá no CRAC, com nove equipes participantes, de 19 de setembro a 5 de dezembro.

Explicou que a Secretaria dispõe de várias modalidades, que é grande a demanda, com vários profissionais de educação física, dispondo de xadrez, judô, atletismo, handebol, basquetebol, voleibol e futsal. Em relação à terceira idade, já solicitou ao Parque das Águas a liberação do rinque e da quadra de voleibol para ginástica e vôlei adaptado, uma nova modalidade.

– O vereador Fábio Curi, Líder do Governo, reconheceu o trabalho da Secretaria no preparo e estrutura de todos os espaços esportivos existentes na cidade. Pediu que ele explanasse sobre a atual situação do campo de futebol da antiga Escola Wenceslau Braz.

Rafael comentou que está cercado, com portão de acesso, isolamento da torcida na área externa e que houve seis intervenções de replantio de grama e que o campo está muito bonito. Completou que cotidianamente o Executivo tem melhorado as quadras esportivas e que o Ginásio Poliesportivo Jorge Curi foi todo reformado, que está com redes, iluminação e traves novas, para que a população seja bem atendida.

– O vereador Vinicius Hemetério questionou a necessidade de melhorias na área externa do Jorge Curi e o que está sendo planejado pelo Executivo e sugeriu a construção de estacionamento 45o graus na parte de trás. Perguntou ainda se a Secretaria disponibilizará um profissional para atender as academias ao ar livre e se havia previsão de melhorias para o campo de futebol do Caxambu Velho.

Rafael informou que será colocado um playground no local e que a pista de atletismo será recapeada e usada inclusive para outras práticas esportivas. Informou que um profissional atenderá a academia do Santa Tereza. Completou que está prevista a construção de vestiário no campo do Caxambu Velho, mas que em relação ao gramado, será mais complicado, pois precisará de uma maior intervenção.

– O vereador Osmar da Silva (Boé) reconheceu o trabalho desenvolvido pela Secretaria no Santa Tereza, mesmo em época de pandemia, inclusive a reforma da quadra. Questionou a possibilidade da construção do vestiário e cozinha no local e indagou a existência de planejamento para a realização de jogos, campeonatos e torneios.

Rafael recordou de diversos eventos grandiosos realizados no município antes da pandemia, e que inclusive a cidade ocupou a 23ª posição na classificação do ICMS Esportivo, dentre todos os municípios mineiros. Ressaltou que é avaliado de acordo com as participações e promoções da cidade em relação ao esporte e que almeja inscrever o município para participar de grandes eventos esportivos. A cidade já está inscrita para participar da Copa TV Alterosa de Futsal e o Estado ainda não se posicionou em relação aos estaduais.

Rafael falou também de inserir o e-Sports, esporte eletrônico, uma inovação em época de pandemia. Recordou que ocorreram na cidade, recentemente, três grandes eventos: o de handebol, o Enduro da Independência e a Copa de Mountain Bike, pois o Executivo é sabedor de que o comércio se fortalece nestas oportunidades.

– O vereador Dennis Renato (Renatinho) questionou a existência do calendário esportivo do município e da região, inclusive a participação dos caxambuenses em outros municípios. Recordou que no passado Caxambu recebia esportistas profissionais e renomados. Sendo assim, indagou se existia esta possibilidade atualmente.

Rafael falou que os eventos foram adiados em 2021 para assegurar a realização no município; já em janeiro de 2022 pretende participar de licitações para atender todo o calendário, se a pandemia permitir. Explicou que grandes equipes possuem centros de treinamentos, a não ser que sejam categorias de base. Acrescentou que tem o dever de ofertar o esporte para a população, para todas as idades, inclusive para os que não têm aptidão.

– O vereador Gilson Rodrigues perguntou como está o andamento para a construção da quadra esportiva do Trançador.

Rafael expressou que o desejo do Executivo é a construção o mais rápido possível; que já foi repassada para a segunda colocada e que aguarda o andamento do processo para o reinício. Informou também que já foi encaminhada a ordem de compra de uma academia ao ar livre que deverá ser instalada nas imediações da quadra.

– O vereador João Francisco (Sapê) chamou a atenção para a existência de uma cerca de arame farpado próxima do campo de futebol do Caxambu Velho. Questionou se estão previstos eventos de artes marciais na programação da Secretaria e as atividades para o Dia das Crianças. Propôs a realização de competições através de jogos eletrônicos nesta época de pandemia para manter vivo o espírito esportivo.

Rafael falou que já busca uma alternativa para evitar acidentes no campo do Caxambu Velho, e que tem a intenção de realizar eventos de artes marciais.  Noticiou que haverá um campeonato de skate dando início a semana das crianças e que haverá Rua de Lazer, passeio ciclístico e brinquedos diversos.

Concluiu dizendo que o esporte transforma a vida, o ser humano e a sociedade, mas que às vezes não é tão valorizado pelas pessoas. Pediu aos vereadores que promovessem a prática esportiva, que procurassem a Secretaria a fim de incentivar cada vez mais a atividade física contra os males causados pela pandemia.

Câmara demonstra pesar com passamento de Preto Rico

O senhor Antônio Chafi Nasser participou da Reunião Ordinária, no dia 13 de setembro. Em nome dos amigos mais próximos de Carlos Alberto Aníbal, Preto Rico, que faleceu no dia 10, recordou que o ser humano está de passagem nesta vida terrena e que ao partir um dia deixa a família e o nome, um legado para ser lembrado. Mencionou que teve a oportunidade de conviver com o Preto Rico por mais de 40 anos, na promoção de eventos. Expressou que ele era o embaixador de Caxambu, recebendo a todos com muita cordialidade, “o nosso anfitrião”. Pediu que a Câmara enaltecesse as pessoas que construíram a história da cidade e convidou a todos para a Missa de 7º Dia, em sua intenção, no dia 16.

Manifestações dos vereadores

– O vereador Osmar da Silva (Boé) relembrou do Preto Rico acompanhando atletas renomados inclusive em visita à cidade.

– O vereador Vivaldo Azevedo recordou do respeito, conhecimento e dignidade do Preto Rito. Comentou que ele sonhava em pedir através da Associação Eventos Cult Art Cidades Estâncias do Brasil (Aecacebra) a transformação da antiga Escola Wenceslau Braz em Escola Cívico-Militar. Expôs a felicidade de ele ter deixado o seu legado para os caxambuenses.