Tribuna Livre...

Tribuna Livre

APAE

O gestor Administrativo Financeiro da APAE, senhor Oswaldo Alves Ramos, participou da Reunião Ordinária, no dia 16 de agosto. Na ocasião, ele apresentou um breve histórico da associação, que foi fundada em 31 de julho de 1991, e inaugurada em 3 de maio de 1992. Explicou que tem a missão de promover e articular ações de defesa, direitos, prevenção, orientação e prestação de serviços e apoio à família, direcionando melhoria da qualidade de vida às pessoas com deficiências.

Destacou que a APAE de Caxambu é referência na região e que inicialmente atendia 42 alunos. Explicou que os programas e serviços da APAE abrangem todas as etapas da vida do deficiente e contam com uma equipe técnica multidisciplinar especializada, composta por assistente social, psicóloga, terapeuta ocupacional, médicos, fonoaudióloga, fisioterapeuta, dentista e enfermeira. Dividiu o mérito com os Conselhos Fiscal e Deliberativo e o presidente Roberto Mendes Paiva.

Manifestações dos vereadores

– O secretário Arnaldo Ribeiro ressaltou a importância do trabalho oferecido pela APAE, que conta com uma equipe estimulada. Recordou que antes da criação da APAE local, os alunos eram atendidos na associação de Baependi.

– O vereador Fábio Curi, Líder do Governo, expôs que a população reconhece e agradece o serviço relevante e indispensável prestado pela APAE em diversas áreas, de forma especializada e única. Garantiu que Executivo não deixaria de envidar esforços para que a APAE continue prestando um serviço de referência nacional.

– O vereador Júlio Nogueira (Júlio da Corneta) recordou da luta da Câmara pelo retorno do transporte escolar para os alunos, em outra oportunidade, e destacou o compromisso do Executivo com o pagamento das subvenções às entidades.

– O vereador Dennis Renato Carneiro reconheceu a evolução do atendimento da APAE nos 30 anos de existência, em todos os aspectos.

– O vereador Osmar da Silva (Boé) recordou da inauguração da APAE, um momento maravilhoso.

– O vereador Vinicius Hemetério comentou que como presidente da Comissão de Acessibilidade e Inclusão sempre cobra a colocação de pisos táteis nas praças que estão sendo reformadas e construídas, a construção de rampas e atendimentos prioritários. Citou que lutou pela aquisição de um ônibus escolar com elevador e que trabalha para conseguir um parque de diversões acessível.

– O vereador Vivaldo Azevedo reconheceu a excelência do trabalho oferecido pela APAE.

– O vice-presidente Nilton Américo externou o dinamismo da APAE no aproveitamento de todo o espaço físico existente.

– O vereador João Francisco (Sapê) reconheceu a atuação do senhor Oswaldo Ramos, uma referência na cidade. Reforçou a disposição da Câmara nas causas justas e nobres, onde observa-se seriedade e resultados positivos.

– O presidente Alessandro Fortes (Sandrinho do Som) reconheceu a qualidade do trabalho desenvolvido pela equipe da APAE.

Equoterapia

A fisioterapeuta Maria Cristina Moraes Florêncio de Souza, funcionária da APAE desde 2012, falou da sua experiência na área da equoterapia e exibiu um vídeo tratando de seus benefícios. Explicou que a equoterapia é uma prática de saúde e de educação já reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina. É um método terapêutico que utiliza o cavalo para promover a inclusão social, a educação e melhorias nos aspectos da saúde de uma pessoa com deficiência; e que busca o desenvolvimento integral do praticante não apenas dos portadores de necessidades especiais.

Colocou que o praticante é acompanhado por uma equipe, que dá segurança a ele. Enumerou os diversos benefícios, como:  o desenvolvimento nos aspectos motores, coordenação motora, equilíbrio, postura, ganhos no comportamento e na interação social, comunicação e linguagem. Acrescentou que o movimento que é produzido no torso, quando o animal anda, se parece muito com o movimento da marcha humana; e que o movimento que é produzido no torso de um cavalo é transferido para o corpo de um cadeirante, por exemplo, e o cérebro reage, mandando informações nervosos.

Explicou que o cavalo é um animal imponente, forte, poderoso e bonito, sendo assim, leva o praticante a se sentir poderoso, o leva em lugares que o cadeirante não poderia ir, devido às dificuldades de locomoção. Colocou que a equoterapia precisa de uma estrutura, de materiais e de brinquedos, e de um espaço apropriado da APAE.

Manifestações dos vereadores

– O vereador Vinicius Hemetério falou do apoio de um cidadão já demonstrado para a implantação, bem como de um haras, local próximo da APAE, de fácil acesso para todos.

– O vereador Vivaldo Azevedo citou a importância do projeto para as pessoas que estão em tratamento, principalmente na APAE. Indagou a existência de um espaço para a instalação e sugeriu o Parque de Exposições.

– O vereador Júlio Nogueira (Júlio da Corneta) reforçou que o trabalho não seria apenas para os alunos da APAE, o que acrescentará em muito o atendimento prestado, inclusive para a região.

– O vereador João Francisco (Sapê) reforçou a importância e os benefícios da equoterapia e comentou que não seria difícil encontrar um espaço para o tratamento de saúde.

– O vereador Osmar da Silva (Boé) considerou o tratamento relevante inclusive para os aspectos emocionais dos praticantes.

– O vereador Dennis Renato Carneiro indagou os motivos do encerramento deste tratamento de saúde, no passado.

– O vereador Fábio Curi, Líder do Governo, considerou o momento ideal para a concretização da ação. Sugeriu que a APAE apresentasse um plano de trabalho e a Câmara verificasse a Lei Orçamentária para custear a implantação.

– O vice-presidente Nilton Américo destacou a importância da explanação feita pela fisioterapeuta Maria Cristina Florêncio.

– O secretário Arnaldo Ribeiro reconheceu os efeitos e resultados positivos da equoterapia. Reforçou o pedido ao Executivo para a sua implantação, de preferência em um terreno próximo da APAE, para facilitar o deslocamento dos alunos. Sugeriu o envio de um ofício ao Executivo, subscrito por todos os vereadores, pedindo a implantação de tratamento de saúde por equoterapia na APAE.

– O presidente Alessandro Fortes (Sandrinho do Som) reconheceu a importância da equoterapia e demonstrou confiança no Executivo para a concretização do pedido da APAE.

Manifestações do vice-prefeito

O vice-prefeito reafirmou o compromisso da Administração para a implantação da equoterapia. Adiantou que já estava estudando todas as alternativas sobre o espaço e o animal e que estudaria com a APAE a questão do corpo técnico. Colocou que independente do recebimento ou não da verba oriunda do acordo do Estado com a Vale, a Administração não deixará de realizar algo em prol da população. Falou que a Administração trabalha no sentido de aplicar as emendas parlamentares no sentido de atender o bem comum. Completou que com o estudo do plano de trabalho a ser apresentado pela APAE, será tratado para perpetuar inclusive nas futuras administrações.

– O vereador Dennis Renato Carneiro reconheceu a importância de mais um instrumento de trabalho, que destacará ainda mais a APAE na região.