Júlio Carlos de Souza Nogueira

Os vereadores da Legislatura 2017/2020 foram empossados nas dependências da Câmara, no dia 1o de janeiro. São eles: Alessandro Bento Fortes (Sandrinho do Som – reeleito – segundo mandato – PP), Fábio Curi Hauegen (reeleito – segundo mandato – PR), Francisco de Souza Martins (Kiko – primeiro mandato – PSL), Jean Carlos da Silva (reeleito – segundo mandato – PDT), Jenny Gomes Aragão (Gica – primeiro mandato – PSL), Júlio Carlos de Souza Nogueira (Júlio da Corneta – primeiro mandato – PSDB), Manoel Ribeiro Pereira (primeiro mandato – PMDB), Mário Luiz Alves (primeiro mandato – PSDB), Paulo José Rodrigues (primeiro mandato – PMDB), Renato Sales Brandão (primeiro mandato – PR) e Vinicius Hemetério (primeiro mandato – PMDB).

Na oportunidade, o vereador Fábio Curi, o mais votado, 507 votos, fez a leitura do compromisso regimental, o juramento, com os seguintes dizeres: “Sob a proteção de Deus prometo manter, defender e cumprir as Constituições da República e do Estado, a Lei Orgânica do Município, observar as leis, promover o bem geral do povo caxambuense e exercer o meu mandato sob a inspiração do interesse público, da lealdade e da honra. Assim o prometo”.  O compromisso foi confirmado por todos, individualmente.

A Sessão Solene de Posse e Instalação da nova Câmara para a Legislatura 2017/2020 foi presidida pela vereadora Jenny Aragão (Gica), acompanhada do vice-presidente Manoel Pereira e do secretário Vinicius Hemetério. Posteriormente, iniciou-se a sessão preparatória destinada à eleição da Mesa Diretora para o período de 1º de janeiro a 31 de dezembro de 2017.

O vereador Mário Alves foi eleito para o cargo de presidente, o vereador Manoel Pereira para o de vice-presidente e o vereador Fábio Curi para o de secretário. Cada um deles obteve sete votos. O vereador Jean Carlos concorreu ao cargo de presidente, o vereador Alessandro Fortes (Sandrinho do Som) ao cargo de vice-presidente e o vereador Francisco Martins ao cargo de secretário. Cada um deles obteve quatro votos.

Pronunciamentos do vice-prefeito e do prefeito

– O vice-prefeito eleito Luiz Henrique Diório de Souza felicitou os eleitos e conclamou o Legislativo e o Executivo para trabalharem juntos em prol da cidade, deixando de lado o partidarismo, em benefício dos mais necessitados e do resgate dos seus valores. Ele pediu a Deus bênçãos aos eleitos.

– O prefeito eleito Diogo Curi Hauegen endossou as palavras do vice-prefeito, reforçando que as dificuldades seriam superadas com a união não apenas do Executivo e Legislativo, mas de toda a população, das entidades, dos conselhos comunitários e dos conselhos municipais. Sendo assim, com cordialidade e respeito, a cidade desenvolverá.

Pronunciamentos dos vereadores

– O vereador Alessandro Fortes (Sandrinho do Som) desejou muitas conquistas para a cidade e reforçou o seu empenho em busca do desenvolvimento local nesta Legislatura. Pediu que todos valorizassem a cidade, principalmente nas redes sociais.  Felicitou a eleição da Mesa Diretora e desejou sucesso ao prefeito eleito Diogo Curi, bem como aos demais colegas.

– O vereador Francisco Martins (Kiko) agradeceu principalmente a Deus a oportunidade de exercer a vereança; aos familiares, o apoio; aos cidadãos, os votos e aos irmãos na fé, as orações. Pediu que a atenção fosse voltada para os menos favorecidos financeiramente e geradores de empregos que contribuem para o crescimento da cidade, com muita esperança.

– O vereador Jean Carlos desejou sucesso à Mesa Diretora e agradeceu o apoio de seus familiares. Desejou a todos um Ano Novo abençoado por Deus.

– A vereadora Jenny Aragão (Gica) em nome dos demais colegas se comprometeu em realizar um trabalho com comprometimento em prol da cidade. Reforçou que os vereadores deveriam agir com ética e decoro parlamentar e também com espírito desarmado e acolhedor. Desta forma, a Casa terá o respeito e o reconhecimento da população. Pediu aos colegas, empenho e união, e a Deus, sabedoria para a tomada de decisões na defesa da população.

– O vereador Júlio Carlos Nogueira (Júlio da Corneta) pediu que os interesses particulares fossem deixados de lado para que eles fossem à voz em defesa dos interesses da cidade. Agradeceu a Deus a oportunidade de exercer a vereança; o apoio da família; o companheirismo, a amizade e a confiança do presidente da APAE, senhor Oswaldo Alves Ramos; aos amigos e aos eleitores, o apoio. Comprometeu-se em exercer um trabalho leal voltado para os interesses das entidades e instituições, para que todos tenham melhores condições de vida. Reforçou a necessidade de uma relação mais sólida entre o Legislativo e Executivo, dentro de suas competências, corrigindo os erros do passado. Pediu que todos se unissem trabalhando por Caxambu e colocou a Casa à disposição das reivindicações do povo.

– O vereador Paulo Rodrigues felicitou a Mesa Diretora, o vice-prefeito e o prefeito. Comentou que iria exercer a vereança, pois tinha lutado com dignidade e perseverança, e que daria tudo de si para bem representar a população nesta Casa. Desejou a todos um feliz Ano Novo.

– O vereador Renato Brandão agradeceu primeiramente a Deus a oportunidade de exercer a vereança e o apoio dos familiares. Felicitou os eleitos enfatizando que trabalhariam unidos em função da cidade, atendendo o clamor do povo. Destacou que a política é um instrumento para ajudar os menos favorecidos, e que ele daria continuidade ao trabalho desenvolvido por seus familiares, os ex-vereadores Augusto Brandão, Clóvis Almeida, Maria Beatriz Pinto Malta e Eduardo de Almeida Pinto. Enfatizou que os eleitos deveriam lutar pela valorização da política, inclusive com o apoio dos conselhos comunitários, trabalhando em harmonia e independência com o Executivo.

– O vereador Vinicius Hemetério agradeceu a Deus a oportunidade de exercer a vereança, bem como aos seus eleitores. Felicitou a Mesa em nome dos demais colegas, o vice-prefeito Luiz Henrique Diório de Souza e o prefeito Diogo Curi, a sua tia doutora Rilma Aparecida Hemetério, desembargadora federal do Trabalho do TRT da Segunda Região, atual presidente da 17a Turma, e o secretariado. Reforçou que naquela data iniciava-se uma nova história em Caxambu, com espírito coletivo. Pediu paciência aos eleitores, que será fundamental para o sucesso desta gestão. Falou do orgulho que sentia em morar em Caxambu, a terra das águas minerais, que tanto bem fizeram e fazem às pessoas, inclusive para ele, particularmente. Reforçou que atuaria em todas as áreas, principalmente no esporte, no lazer e na cultura. Falou que seguiria os ensinamentos do seu bisavô Luiz Hemetério e do seu pai Avilmar Hemetério, que fizeram parte desta Casa, e garantiu que trabalharia com ética, transparência e honestidade. Expressou o seu desejo de exercer um mandato participativo, honrando a confiança de cada eleitor, e agradeceu aos familiares, amigos, alunos, apoiadores e anônimos, a confiança, e desejou um feliz Ano Novo a todos.

– O secretário Fábio Curi agradeceu a Deus a oportunidade de estar lutando por Caxambu, à sua mãe Helena e o seu filho Ruan, ao povo, o incentivo. Reforçou que se manteria firme nas atribuições do Legislativo, na fiscalização do Executivo, propondo leis que melhorem a qualidade de vida do caxambuense, para o esporte, o turismo, a valorização dos servidores, lutando pelos anseios da população. Demonstrou confiança na nova gestão e sugeriu o aumento do número de Audiências Públicas da Casa.

– O vice-presidente Manoel Pereira agradeceu a Deus a oportunidade de exercer a vereança. Enfatizou que sua missão era restaurar a cidade, com o apoio de todos, nas ações em prol do desenvolvimento local.

– O presidente Mário Alves agradeceu a Deus a oportunidade de exercer a vereança, aos familiares, ao PSDB e à coligação. Salientou que aquele momento era a concretização de um sonho. Destacou o seu árduo trabalho durante a campanha eleitoral, tendo a oportunidade de se fortalecer para ocupar uma função tão importante, em defesa do cumprimento dos princípios constitucionais. Reforçou que se sentia estimulado para ao final do mandato sair com a cabeça erguida, que seria coerente com tudo que pregou durante anos e que seu trabalho seria baseado na Constituição Federal e no Regimento Interno da Câmara.

Dirigiu as palavras a três grupos de pessoas: ao prefeito Diogo Curi e ao vice-prefeito Luiz Henrique, que ele seria parceiro fiel com respeito, desde que o trabalho do Executivo seja desenvolvido buscando o interesse do povo. Aos colegas, reforçou que a Casa se tornaria palco de grandes debates e lutas contra a falta de remédios, merenda, transporte escolar, plano de salários, transparência, oportunidades de empregos, segurança, esporte e lazer, enfim, tudo que seja prejudicial ao povo. Reforçou a necessidade de união e do apoio de todos, em prol da valorização do Legislativo. Ao povo, o grupo mais importante, prometeu esperança, renovação de forças e união, com as bênçãos de Deus.

ata-p1  ata-p2ata-p3